Astronomia

Astronomia na vida cotidiana, histórica e moderna.

Sonda espacial

Sonda espacial é uma nave espacial não tripulada, utilizada para a exploração remota de outros planetas, satélites, asteroides ou cometas.

Normalmente as sondas tem recursos de telemetria, que permitem estudar à distância suas características físico-químicas, tirar fotografias e por vezes também o seu meio ambiente.

Algumas sondas, como Landers ou Rovers, pousam na superfície dos astros celestes, para estudos de sua geologia e do seu clima.

Tipos de sondas

  • Sobrevoo (flyby): sonda que passa próxima a um astro e o analisa com seus instrumentos;
  • Orbitador (orbiter): sonda que entra em órbita de um astro, passando a funcionar como um satélite artificial do mesmo;
  • Impacto: sonda que é colidida com um astro, fazendo análises durante a aproximação ou colisão a ele;
  • Aterrissadora (lander): sonda que pousa num astro analisando-o in loco, muitas vezes levando consigo uma sonda veicular;
  • Veicular (rover): sonda com capacidade de locomoção para analisar uma área maior de um astro;
  • Observatório: sonda com capacidade telescópica, que pode atuar em uma ou mais faixas do espectro eletromagnético, para efetuar observações astronômicas, geofísicas e espectrais, sem as distorções provocadas pela atmosfera terrestre.